quarta-feira, 28 de novembro de 2012

Dicas de manutenção - Cuidando dos freios

   Como é gostoso, domingo a tarde pegar seu fusca e dar aquele passeio. Melhor ainda, ter um fusca com motor apimentado e numa viagem deixar os outros carros de boca aberta com o desempenho do besouro.


   É ótimo ter potência de sobra, e melhor ainda é ter como parar toda essa potência.


   Hoje vamos tratar de um assunto muito importante, os freios. Vamos dar dicas de como manter o sistema em perfeito funcionamento. Mas por incrível que pareça, muita gente só lembra dos freios quando acontece alguma falha ou vazamento no sistema. Se o problema for saindo da garagem, ótimo, o risco é você precisar do freio numa situação de emergência e ele não responder à altura. O fusca não tem o melhor sistema de freios do mundo e tem gente que ainda negligência esse importante sistema.

   Como funciona o sistema de freios? Em nossos fuscas e derivados temos sistemas com 4 tambores de freio e o sistema de freio a disco na dianteira e tambor nas rodas traseiras. Vamos tratar do sistema mais antigo, em que as 4 rodas são a tambor.

   O sistema




   Ao acionar o pedal do freio, o fluido de freio é comprimido, seguindo pela tubulação e chegando enfim aos cilindro de roda, onde estes forçam as lonas contra o tambor, como mostra a figura acima.

   As partes do sistema
Cilindro mestre (bomba de freio)





Cilindro de roda (burrinho)

Lonas de freio


Esquema do tambor


   No sistema ainda fazem parte as tubulações de freio, o tambor em si, reservatório do fluido. Mas vamos as parte apresentadas. 
   Um das situações em que se pode perceber problemas nos freios é verificar se por trás do tambor de freio está molhado, algo como um óleo, nesse caso o seu carro tem grande chances de ter um cilindro de roda (burrinho) estourado e por consequência ocorrerá a diminuição na eficiência do freio e o nível de fluido irá baixar constantemente. Outra situação que pode ocorrer é o pedal do freio estar muito mole, é sinal de que o sistema está desregulado, ou ainda que as lonas já estejam no fim da vida útil. Mais um problema que pode ocorrer é a quebra da bomba de freio (cilindro mestre), o fluido poderá vazar pela base da bomba e consequentemente haverá a diminuição ou até a total perda da ação dos freios.
   As peças novas não são caras, principalmente tendo em vista que elas salvarão bens preciosos, a sua vida e de seus entes queridos e também o seu fusca de uma colisão. Pesquisamos os preços em algumas lojas de nossa confiança e os preços das peças são bem próximos um do outro. O preço médio ficou assim:

Cilindro mestre: R$ 56,50
Cilindro de roda: R$ 28,50 (traseiro/unidade) R$ 26,50 (dianteiro/unidade)
Lonas de freio: R$ 11,30 (valor referente a duas rodas - valor total R$ 22,60)
Fluido de freio (DOT 3/500 ml): R$ 9,20

   Um detalhe a ser observado é, se você comprou recentemente seu fusca ou se já fazem mais de dois anos que você fez serviço completo de freio, o correto é trocar todo o fluido de freio, o fluido é higroscópico, ou seja, ele acumula água, e essa água acumulada irá reduzir a eficiência dos freios, por mais que estejam regulados. O serviço de regulagem dos freios é bem em conta, não custa mais de 50 reais(contando com possíveis troca de lonas ou compra de fluido), já o serviço de troca das peças de todo o sistema sai um pouco mais caro, mas lembre que é sua vida que está em jogo, o freio é um dos ítens de prioridade do carro.

   Só mais um detalhe, e se mesmo depois de regular todo o sistema, trocar peças e tudo o mais, ocorrer algo inesperado e você estar numa situação de risco e sem freios, o que fazer. Nessa hora lembre do freio de mão...


... ele não serve apenas como freio de estacionamento, numa emergência, ele bem regulado poderá fazer a diferença entre ilesos e feridos. Mas acreditem mais uma vez, o freio de mão geralmente é esquecido, quando o carro está parado, o mínimo de freio que tiver já serve para o motorista descuidado. Quando realizar a regulagem do sistema, o freio de mão deverá também ser regulado, a regulagem correta é o carro travar com o 3º ou 4º dente da catraca, mais que isso é interessante verificar o dispositivo.

   O sistema de freio é um dos mais importantes no carro, é muito bom ter um carro com bom desempenho e melhor ainda é ter desempenho suficiente nos freios para parar com segurança. Esperamos ter ajudado e esclarecido algumas dúvidas, mas se houver mais dúvidas é só deixar a pergunta nos recados que o quanto antes iremos responder.

Atenciosamente: Departamento de manutenção

Cangaceiros vw's de Pernambuco 

18 comentários:

Fabio Nani disse...

Extremamente ÚTIL...

Ricardo fez o check-up da Kombi esta semana, e realmente não se gasta muito.

Um detalhe importante: Quando Ricardo pediu para revisar, foi detectado que os burrinhos de trás estavam acabados e os da frente "mais ou menos"... Esse termo não existe para FREIOS.

Ricardo imediatamente optou por trocar tudo. Além de mais seguro, a manutenção fica mais simples, visto que todo o sistema tem a mesma idade e será revisado ao mesmo tempo.

Fica a dica! ;)

Anderson disse...

Realmente amigo, mais ou menos num rola não, se tem problema num par, troca logo o jogo completo. O carro pode até não correr muito, mas tem de parar com eficiência! Que bom que gostou, vamos seguindo assim que nossos carros sempre estarão em dia, seja um brinco de beleza ou apagado como um Rat!

Léo disse...

o do cheetos deu pau hj... e tome mais gasto...

Anônimo disse...

eu tenho um fusca e fiquei sem freio nao e nada legal

Anônimo disse...

Comprei um para utilizar para deslocamentos simples proximos de casa,o bichinho me pegou,agora sou fã do Fusquinha,minha decepção antes de compra-lo foi bater na traseira de um ford k zerinho...burrinho de freio estourou,cheguei em casa desmontei tudo e substitui o tambor,burrinhos e lonas novas,revisando tbm os tubos e flexiveis,agora ficou 10!

humberto fusca disse...

Minha brasilia nao tem vazamento nas rodas nem no burrinho , o tubo de oleo esta cheio mas o freio sumiu depois que tirei o pedal pra trocar o cabo de embreagem

Amauri Valério disse...

Comprei um fusca 74 recente. é claro que ainda não tive tempo de encostar e revisá-lo. Outro dia, ao passar uma lombada fiquei sem freios, toquei como pude até chegar ao destino, no outro dia fui verificar, e localizei um vazamento no duto da roda traseira direita, comprei um duto e um flexível novo, quando fui sangrar, não dava pedal, identifiquei outro vazamento no flexível dianteiro (dependendo da posição do carro, não vazava, então não dava pra perceber.), substitui o flexível dianteiro tbm, já sangrei novamente, e continua sem dar pedal, já vasculhei tudo pra ver se há mais vazamentos e não encontrei nada. Seria o cilindro mestre ou o hidrovacuo que está me sacaneando?

Antonio Augusto disse...

Amauri Valério, teu fusca tem hidrovácuo? Pouco provável.

Mauro Bonilla disse...

Eu tenho um fusca e o outro dia meu fusca ficou c o pedal do freio MT mole e ele n freia bem, só consigo parar se possar bem fundo no pedal então verifiquei o nivel de fluido e estava normal. Gostaria de saber oq pode ser.
Dsdja agradeço.

Mauro Bonilla disse...

Lembrando q meu fusca é 86 e já tem freio a disco na frente

Scanavachi Alemao disse...

gostaria de saber como trocar o cabo do freio de mao..eu consigo colocar ele no tambor e passar pelo tunel..mais na hora de pegar ele pra parafusar na alavanca eu nao consigo.

diogo de brito barbosa disse...

Amigos troquei tudo no frio do meu fusca e mesmo assim não ficou bom usei lona standard nem o freio de mão da regulagem, será que o antigo dono deu passe nas campanas? Acredito que só possa ser isso pois é tudo novo, desde já agradeço.

diogo de brito barbosa disse...

Amigos troquei tudo no frio do meu fusca e mesmo assim não ficou bom usei lona standard nem o freio de mão da regulagem, será que o antigo dono deu passe nas campanas? Acredito que só possa ser isso pois é tudo novo, desde já agradeço.

Unknown disse...

Tô com um pobreminha numa s10 tapa tá nova cilindro mestri novo e os dois cilindros de rodas novos detale quando vou fazer a sangria o cilindro do lado direito vasa troquei achando que era defeito da peça mais vasou de novo alguma dica agradeço...

marcos roberto stelle disse...

Tô com um pobreminha numa s10 tapa tá nova cilindro mestri novo e os dois cilindros de rodas novos detale quando vou fazer a sangria o cilindro do lado direito vasa troquei achando que era defeito da peça mais vasou de novo alguma dica agradeço...

Eduardo Carneiro disse...

o meu tambor traseiro está com problema e vou trocar junto com as lonas. O meu fusca entra a marcha mas o carro não anda, isso pode ter haver com o problema no tambor traseiro. Se alguém puder me ajudar agradeço

Eduardo Carneiro disse...

o meu tambor traseiro está com problema e vou trocar junto com as lonas. O meu fusca entra a marcha mas o carro não anda, isso pode ter haver com o problema no tambor traseiro. Se alguém puder me ajudar agradeço

Unknown disse...

Bom dia. Tenho um problema no Fusca 79 com freio a tambor nas 4. No entanto, os freios dianteiros não estão funcionando e, troquei todo o sistema, inclusive o cilindo mestre 3 vezes.